Aberto: Seg - Sex 8h - 20h e Sáb 8h - 12h
Aberto: Seg - Sab 8h - 20h e Sáb 8h - 12h.
Menu
ACOMPANHE

Traumatismo em Crianças

Postado por: Dra Mariana

 

Experimentações e brincadeiras são fundamentais para o desenvolvimento das crianças. E com tanta energia e novas descobertas, desde os primeiros passos às mirabolantes ideias de ponta-cabeça, os tombos são inevitáveis. Alguns com leves ralados, outros mais sérios com traumas.

Os traumas na região da cabeça merecem cuidado redobrado, pois nem sempre suas consequências são visíveis a olho nu!

Crianças que apresentam perda de consciência, náuseas, sonolência, vômitos, dores de cabeça ou outro comprometimento sistêmico aparente devem ser encaminhadas ao hospital para examinar a sua saúde geral.

Se esse não é o caso, e a região da boca foi afetada no trauma, a visita ao Cirurgião Dentista deve ser feita imediatamente, sendo fator determinante para as chances de sucesso do tratamento.

Há diversos tipos de classificações de traumas bucais, podendo ser:

- Direto (quando o próprio dente e áreas vizinhas são atingidos) ou indireto (quando o impacto ocorre no queixo, por exemplo, podendo atingir os dentes, áreas vizinhas e até os ossos do rosto);

- Nos tecidos dentários ou injúria nos tecidos ao redor dos dentes.

O que os pais precisam saber:

  • Que o dente de leite tem raiz e o dente permanente está se formando muito próximo desta raiz. Assim, existe risco de haver alguma sequela no dente permanente. Por isso, o acompanhamento clínico e radiográfico no consultório odontológico é importante.

 

O que fazer no caso de trauma dental:

  1. Entre em contato com um Dentista imediatamente. Em alguns casos, uma orientação adequada por telefone ajuda os pais a lidarem com a situação.
  2. Quando o dente de leite sai totalmente do lugar (avulsão dental), não tente colocar o dente de volta, porque o reimplante não é recomendado.
  3. Se achar o dente ou fragmento quebrado, coloque-o em um recipiente com soro fisiológico ou leite.
  4. Dependendo do tamanho do fragmento quebrado, é possível fazer sua colagem, recuperando-o esteticamente.

Ainda tem dúvidas? Acesse nossas redes sociais e fale com a gente!

Compartilhar:
Facebook Twitter