Aberto: Seg - Sex 8h - 20h e Sáb 8h - 12h
Aberto: Seg - Sab 8h - 20h e Sáb 8h - 12h.
Menu
ACOMPANHE

Diabetes e Doença Periodontal: Qual a relação?

Postado por: Dra Ana Paula

 

Diabetes e Periodontite são doenças de alta prevalência na população mundial. Mas será que elas têm uma relação entre si? Você vai entender que sim. A inter-relação entre elas representa um exemplo clássico de como uma doença sistêmica pode predispor a uma infecção oral e de como essa infecção também pode exacerbar uma condição sistêmica.

Primeiro, vamos entender o que é Diabetes.

Diabetes é uma doença crônica na qual o corpo não consegue produzir ou empregar adequadamente a insulina.

Esse desequilíbrio afeta todo o funcionamento do nosso organismo porque a insulina é um hormônio que controla a quantidade de glicose no sangue, ou seja, o corpo precisa desse hormônio para obter a sua fonte de energia. Dentre as consequências, poderá haver danos em órgãos, vasos sanguíneos e nervos.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Diabetes, hoje, no Brasil, há cerca de 13 milhões de pessoas vivendo com Diabetes – e esse número ainda está crescendo! Infelizmente, muitos nem sequer desconfiam ter a doença. Por isso, fique atento aos sintomas mais comuns:

- Aumento do volume urinário;

- Sede e apetite aumentados;

- Em alguns casos, perda de peso inexplicada e visão turva.

O diagnóstico do Diabetes é simples e pode ser feito por um clínico geral ou endocrinologista através de exames laboratoriais, como glicose em jejum ou curva glicêmica. A doença ainda não tem cura definitiva, porém seu tratamento consiste, basicamente, em manter o controle da glicemia através do uso de medicamentos e controle da dieta.

E então, o que é Periodontite.

Nós já tratamos sobre Periodontite aqui no Blog, mas vamos relembrar:

Periodontite é o agravamento da inflamação gengival causada pelo acúmulo de tártaro nos dentes. Seus principais sintomas podem incluir: sensibilidade, inchaço, vermelhidão, retração gengival – aparentando dentes mais compridos – e, ainda, ocorrências de sangramento no momento da higienização. As consequências são graves e culminam na perda óssea ao redor dos dentes que pode, consequentemente, levar à perda dentária.

O tratamento da Periodontite interrompe o avanço da doença e estabiliza a perda óssea ocorrida, mas somente o seu Periodontista poderá indicar o tratamento adequado para o seu caso. A periodontite não tem cura, mas é uma doença crônica controlável.

Mas, afinal, o que Diabetes tem a ver com Periodontite?

É grande o número de estudos recentes que apontam o Diabetes mal ou não controlado como um fator de risco para as doenças periodontais e, ainda, a ocorrência de um nível mais elevado de Periodontite quando comparados aos não diabéticos.

Paralelamente, a doença periodontal pode ter um impacto significativo sobre a diabetes, contribuindo para agravar o controle glicêmico. Desta forma, Diabetes e Periodontite podem ser consideradas como doenças bidirecionais, já que a presença de uma delas influencia a existência e controle da outra.

Essa correlação acontece por conta da ocorrência frequente de defeitos das células de defesa, os granulócitos polimorfonucleares, em pacientes diabéticos. Além disso, a hiperglicemia causa um desequilíbrio sistêmico que acaba alterando a forma e a função de componentes da matriz celular.

Se você desconfia ou já tem o diagnóstico de diabetes, avise o seu periodontista! Os cuidados de higiene bucal aliados às visitas periódicas ao Dentista são fundamentais no seu tratamento!

Compartilhar:
Facebook Twitter